PUB
Eleição do vogal da Autoridade de Gestão do Programa Operacional do Norte
Terça-feira, Fevereiro 24, 2015

PSD manifesta “surpresa pela apresentação, pelo Município de Guimarães, do ex-autarca de Guimarães, António Magalhães, para disputar esta eleição da qual acabou por sair derrotado”

Em comunicado distribuído à imprensa, a Comissão Política do PSD de Guimarães apresenta as suas felicitações a António Jorge Nunes, ex-presidente de Câmara de Bragança, pela indicação da maioria dos presidentes de Câmara do Norte de Portugal, ocorrida a 18 de fevereiro.

No entanto, sobre esta eleição, o PSD vimaranense considera que a indicação de António Magalhães para esse cargo colocou em causa a “dimensão do autarca que liderou a nossa autarquia durante 24 anos e, em última análise, coloca em causa a dimensão da própria autarquia que não pode ir constantemente a jogo para se ver sucessivamente derrotada e para ver as suas indicações a ser sucessivamente desconsideradas pelas demais autarquias”.

O mesmo comunicado coloca em causa a estratégia seguida por Domingos Bragança ao avançar, pela segunda vez, com o nome de António Magalhães “em candidaturas para o exercício de funções em organismos gestores de fundos comunitários” e por ser a segunda vez que “o força a uma derrota”.

O comunicado conclui que, desta forma, se está “perante uma demonstração clara daquela que é a importância política do autarca de Guimarães, Domingos Bragança, não apenas perante os demais autarcas do Norte de Portugal como até dentro do próprio Partido Socialista”, uma vez que o ex-presidente da Câmara não conseguiu assegurar os “votos de todos os autarcas eleitos pelo PS”.