PUB
Dizer “não” à publicidade que não pediu
Segunda-feira, Maio 11, 2009

Foi recentemente criada uma Lista Nacional de não interessados em receber comunicações publicitárias.

A iniciativa foi criada junto da Direcção-Geral do Consumidor e consiste na criação de uma lista de âmbito nacional onde, todos os interessados, se poderão inscrever, declarando não estarem interessados em receber publicidade que não pediram, por e-mail, SMS e MMS.

Os telemóveis e a internet são, cada vez mais, meios previligiados e atractivos para a difusão de publicidade, permitindo chegar a um elevado número de consumidores, a custos reduzidos. Contudo, muita desta publicidade, é difundida sem que seja solicitada pelo consumidor.

A partir de agora, quem não quiser receber este tipo de informação, pode registar-se na referida lista nacional e declarar não querer receber, por esses meios, mensagens de teor publicitário.

Para se registar, aceda ao site www.consumidor.pt e siga os passos que lhe são indicados. A lista, criada no passado dia 9 de Maio, conta já com cerca de 2000 consumidores inscritos.

As empresas que agora pretendam recorrer a este meio publicitário estão legalmente obrigadas a consultar esta lista não podendo enviar emails, SMS ou MMS aos consumidores que nela se inscreveram. Para tal, as próprias empresas têm de se inscrever no mesmo portal de modo a poderem consultar a lista.

Artigos Relacionados