PUB
Direção do CC Taipas baixa o passivo em 5 mil euros
Quinta-feira, Outubro 27, 2016

É o quarto ano consecutivo em que, fruto de sucessivos resultados líquidos positivos, a Direção do Clube Caçadores das Taipas consegue baixar ao passivo do Clube que, nesta altura, se cifra em pouco mais de 32 mil euros.

Reunidos em Assembleia-geral, na noite do passado dia 26 de Outubro, os cerca de vinte associados taipenses aprovaram, por unanimidade e aclamação, os Relatórios de Atividades e Contas relativos à época desportiva 2015-2016.

A Direção taipense realizou cerca de 144.500 euros de receita para fazer face a uma despesa total na ordem dos 139.350 euros resultando, no final da referida época, um saldo positivo de pouco mais de 5 mil euros. Tal resultado permitiu colocar o passivo do Clube em 32.200 euros sendo que, em 2012/2013, esse montante se situava acima dos 60 mil euros. Uma redução, pois, de cerca de 50% desse valor, em 4 anos.

Relativamente às atividades do Clube, os taipenses contaram nas suas fileiras, para além da formação sénior, com 12 equipas de formação (8 federadas), num total de 196 jovens atletas.

Para a época já em curso de 2016/2017, foi apresentado e aprovado, igualmente por unanimidade dos votos, o Plano de Atividades e Orçamento. Melhorar a classificação da época anterior no escalão sénior (6º lugar na divisão Pró-nacional), aumentar o número de equipas e atletas nos diversos escalões jovens – situação já verificada na presente época com a inscrição de mais uma equipa de infantis e outra de benjamins – e a criação de uma equipa de futebol feminino, foram as principais metas apontadas por João Pedro Ribeiro, presidente da Direção do Clube.

Ao nível das infraestruturas, com o apoio garantido da Câmara Municipal de Guimarães para o melhoramento dos balneários, o Clube aguarda apenas, para avançar com as obras, o resultado de uma candidatura apresentada à Federação Portuguesa de Futebol para o mesmo efeito. Para além disso, a Direção do Clube taipense, pretende ainda colocar um relvado sintético no campo em terra batida, de futebol sete, para assim, melhor poder responder ao crescente número de atletas e equipas que se tem verificado no seio do Clube.