Dia dedicado ao Património incentiva a sua descoberta e preservação
Quinta-feira, Abril 16, 2015

São várias as actividades que fazem parte do programa do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios. O dia foi criado pela UNESCO em 1983, com o intuito de promover a preservação do património material.

Assinala-se, no próximo Sábado 18, o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios. Neste dia promove-se o património material edificado e os sítios com elevado significado histórico e social. O dia foi criado, em 1983, pelo Conselho Internacional de Monumentos e Sítios (ICOMOS, no acrónimo em inglês), organismo subsidiário da UNESCO, que completa 50 anos em 2015.

A região Norte de Portugal é particularmente rica em termos de património arquitectónico e arqueológico. O concelho de Guimarães em particular tem classificados pelo portal monumentos.pt, da responsabilidade do Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana, um total de 288 monumentos e sítios. Já a Direção-Geral do Património Cultural (que substituiu o antigo IGESPAR), classifica, para área geográfica do concelho de Guimarães, um total de 61 locais.

A freguesia de Caldelas tem dois monumentos classificados como Monumentos Nacionais – a Ara de Trajano e a Ponte sobre o Rio Ave, mais conhecida como Ponte Romana ou pontilhão. O primeiro foi classificado por decreto de 23 de Junho de 1910 e o segundo em diploma publicado a 19 de Fevereiro de 1926. De fora está ainda o balneário termal, os Banhos Velhos, onde foram descobertos vestígios do que seria o balneário construído pelos romanos.

Na região Norte do concelho de Guimarães há ainda dois sítios arqueológicos com classificação de Monumento Nacional – o Castro de Sabroso (em Sande S. Lourenço) e a Citânia de Briteiros (em Briteiros S. Salvador), ambos classificados a 23 de Junho de 1910.

Neste dia há um conjunto de actividades lúdicas associadas ao conhecimento do património e à sua valorização, a que a Direção-Geral do Património Cultural deu o tema “Conhecer, Explorar, Partilhar”. Várias entidades promovem programas com este propósito.

A Sociedade Martins Sarmento (S.M.S.), juntamente com a Associação Vimaranense para a Ecologia (A.V.E.) e a Junta de Freguesia de Briteiros (S. Salvador e Santa Leocádia), desenvolve neste dia a actividade “Uma Viagem pela Pré-História Recente no Concelho de Guimarães”.

O propósito, dizem os organizadores, é alertar para a fragilidade do património de idades tão antigas que, por estarem imperceptíveis na paisagem, não são do conhecimento do público. A partida desta caminhada está marcada para as 15 horas, com início no Museu da Cultura Castreja, em Briteiros (S. Salvador).

O percurso passará por monumentos megalíticos dos V e IV milénios antes de Cristo. Serão visitados a Mamoa da Bouça da Cavada, o sítio arqueológico da Boavista, o túmulo do arqueólogo e historiador Francisco Martins Sarmento e será feita uma visita à Quinta da Cavada. Estas visitas contarão com as indicações do arquitecto Miguel Frazão, da Câmara Municipal de Guimarães.

Na cidade de Guimarães, a autarquia promove o seu património com uma visita guiada pelo Centro Histórico, classificado pela UNESCO. O início está marcado para as 11 horas e contará com a participação de Miguel Melo, arquitecto da Divisão do Centro Histórico, da Câmara Municipal de Guimarães. O ponto de encontro será na Loja Interativa de Turismo de Guimarães, na Praça de Santiago, às 10.30 horas.

Às 16 horas, junto ao Museu Alberto Sampaio, actuará o grupo “Outra Voz”, cujo percurso se tem caracterizado por performances em locais marcantes, nomeadamente do ponto de vista histórico. Finalmente, às 21.30 horas, será projectado o filme “Lagardère”, realizado por Henri Hellman em 2003, que foi rodado no Centro Histórico de Guimarães.

Todas estas actividades são de participação gratuita, sendo necessária uma inscrição em algumas delas – no caso da caminhada organizada pela Sociedade Martins Sarmento haverá um lanche que carece de inscrição prévia. No caso da visita guiada no Centro Histórico de Guimarães é também necessária uma pré-inscrição.

INFORMAÇÕES ADICIONAIS
Caminha da Sociedade Martins Sarmento
16h, junto ao Museu da Cultura Castreja, em Briteiros (S. Salvador)
A participação é gratuita, mas é necessária uma inscrição prévia.
Contactos – e-mail: citania@msarmento.org; telefone: 253 478 952

Visita guiada pelo Centro Histórico
11h, partida da Loja Interativa de Turismo de Guimarães,
na Praça de Santiago
A participação é gratuita, mas é necessária uma inscrição prévia.
Contactos – cultura@cm-guimaraes.pt