PUB
Dia da Arqueologia assinalado com visita guiada à Citânia de Briteiros
Quarta-feira, Julho 20, 2016

Durante o mês de Julho um grupo de arqueólogos da SMS e da Universidade do Minho estiveram a escavar porções do território do castro. No próximo dia 25 de Julho será possível ficar a saber o que descobriram.

À semelhança do quem vem acontecendo em anos anteriores, a Sociedade Martins Sarmento está a desenvolver, durante o mês de Julho, trabalhos de escavação arqueológica na Citânia de Briteiros.

Entre os trabalhos que estão a ser desenvolvidos durante 2016 prevê-se a manutenção do balneário Sul e ainda novas escavações no balneário Este da citânia, de onde os arqueólogos suspeitam ter saído a famosa Pedra Formosa, que se encontra actualmente em exposição no Museu da Cultura Castreja, em São Salvador de Briteiros.

Os trabalhos arqueológicos estão a ser desenvolvidos em conjunto entre os arqueólogos da Sociedade Martins Sarmento e da Unidade de Arqueologia da Universidade do Minho, que tem providenciado apoio técnico e científico. A Casa do Povo de Briteiros e a Câmara Municipal de Guimarães têm prestado apoio logístico.

A propósito do Dia da Arqueologia, que se assinala no próximo dia 25 de Julho, a Sociedade Martins Sarmento irá promover uma visita guiada à Citânia de Briteiros, onde se dará a conhecer os trabalhos desenvolvidos ao longo do mês e quais as conclusões que se anotaram. O início da visita está marcada para as 18 horas.

A Citânia de Briteiros, monumento nacional desde 1910, esteve na base do desenvolvimento da arqueologia portuguesa e é hoje indissociável do aparecimento desta disciplina no país, importância que, em grande parte, é atribuída a Francisco Martins Sarmento (1833-1899), que ali desenvolveu um extenso trabalho de prospecção e investigação.