PUB
Comemorações dos 75 anos da vila das Taipas começam esta quinta-feira
Quinta-feira, Junho 4, 2015

Exposições, debates, roteiros são algumas das actividades que acontecerão ao longo dos próximos meses. O programa começa hoje com a inauguração da exposição “A Vila das Taipas em Fotografia”.

De entre as iniciativas agendadas destaca-se a sessão solene da Assembleia de Freguesia, comemorativa do 75.º aniversário que se realizará no Salão Nobre da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Caldas das Taipas, no dia 19 de Junho, pelas 21.15h, dia em que se assinala a elevação à categoria de vila. Na sessão solene serão entregues as medalhas comemorativas deste aniversário, momento que pretende homenagear todas as associações da vila das Taipas, instituições e personalidades cuja história e trabalho se confunde com a história da própria vila.

Como é do conhecimento público, com vista a comemorar a efeméride, foi constituída uma comissão da Assembleia de Freguesia formada por todos os partidos políticos eleitos naquele órgão e com a participação da Junta de Freguesia. A presidência ficou a cargo de Luís Soares, eleito pelo Partido Socialista que, a propósito das comemorações, afirmou que “pretendem assinalar uma data marcante na história da vila das Taipas que resulta do reconhecimento, em 1940, pela República Portuguesa, da importância desta povoação de Caldas das Taipas”. Todas as iniciativas agendadas serão abertas ao público em geral e, como acrescentou Luís Soares, pretende-se envolver toda a comunidade taipense e todos os que gostam desta vila neste seu 75.º aniversário.

Para além da sessão solene já referida, destaca-se, ainda, a realização de um ciclo de debates que se constitui como um momento de reflexão sobre a vila. No dia 13 de junho, “Vila das Taipas que futuro?” é o primeiro tema que o vice-reitor da Universidade do Minho e CEO do Instituto 3B’s, Rui Reis e o CEO da empresa Edigma, Miguel Oliveira, vão debater.

Para setembro, no dia 11, e para discutir o presente da vila, os convidados são o diretor da Escola Secundária de Caldas das Taipas, José Augusto Araújo e Ricardo Costa, vereador da Câmara Municipal de Guimarães. Este ciclo de debates terminará a 30 de outubro para se revisitar o passado da vila. Os palestrantes deste último encontro são António Oliveira, conhecido historiador com diversos trabalhos publicados sobre as Taipas, ao seu lado estará o autor da monografia de Caldas das Taipas, Armindo Cachada.

Para Luís Soares, presidente desta comissão comemorativa dos 75 anos da vila termal, este ciclo de debates pretende constituir-se como um momento de reflexão sobre o passado, o presente e o futuro da vila das Taipas: “Habitualmente as reflexões sobre a vila são feitas perspetivando o glorioso passado intimamente relacionado com a vila termal, os seus usos e os seus costumes. Este ciclo de debates pretende inverter a perspetiva da reflexão começando com o futuro, analisando o presente e recordando o passado e a história da nossa vila e dos nossos antepassados”.

Ainda durante o mês de junho irá decorrer uma exposição de fotografias sobre a vila das Taipas, no Centro Comercial Passerelle. Nos quatro sábados de junho (6, 13, 20 e 27) a comissão comemorativa dos 75 anos promoverá umas “Visitas Guiadas, com Guias Improváveis”, onde quatro cidadãos de Caldas das Taipas vão contar as suas histórias, e através delas guiarem os participantes por Caldas das Taipas e os espaços mais emblemáticos.

Luís Soares explicou que a ideia subjacente deste programa foi a de assinalar uma data importante para as Taipas: “Não é todos os dias que se comemoram 75 anos de elevação a vila. As Taipas foram, pela sua importância, a primeira vila do concelho. Pretendemos recuperar o contexto em que essa elevação aconteceu, aludindo à história da Vila.”