PUB
Aprovado em reunião de câmara
Segunda-feira, Junho 6, 2005

O executivo municipal de Guimarães aprovou na reunião ordinária da última quinta-feira os nomes dos condecorados com as medalhas habitualmente entregues nas cerimónias do 24 de Junho, Dia um de Portugal.

Assim, além do Sandinenses, agraciado medalha de prata de mérito desportivo – como o www.reflexodigital.com já havia adiantado –, a câmara de Guimarães decidiu atribuir à empresa José Júlio Jordão, a medalha de honra Industrial em ouro, sendo que a Empresa José Teixeia & Irmão recebe a medalha de mérito industrial em prata. A professora da Universidade do Minho, Maria Norberta Amorim, será distinguida com a medalha de mérito cultural em ouro, enquanto que a “poetisa de Arosa”, Maria Amélia Fonseca será agraciada com a medalha de mérito cultural em prata. Também José Machado, dirigente associativo em das associações portuguesas em França, será homenageado pela autarquia vimaranense no próximo feriado municipal, com a medalha de mérito associativo em ouro. A Irmandade de Nossa Senhora da Consolação e Santos Passos receberá a medalha de mérito social em ouro, enquanto que ao funcionário municipal Manuel Ferreira Freitas será entregue a medalha de bons serviços, grau prata. Uma vez mais não vai ser atribuída a distinção máxima, a medalha da Cidade em ouro.
Além da habitual cerimónia solene que assinala o 24 de Junho – e onde serão entregues as medlahas da cidade – o programa contará ainda com diversas inaugurações. EB 1 de Samara, em Lordelo, Avenida do Moinho do Buraco, em Pevidém, Parque de S. João de Ponte, EB 1 de Caneiros, em Fermentões e o novo canil municipal em Atães serão inaugurados no dia da cidade. No mesmo dia, junto à antiga estação ferroviária de Guimarães será inaugurado um monumento à Paz.

Artigos Relacionados