Ambulâncias das Taipas circulam dentro da lei
Sexta-feira, Julho 2, 2010

Segundo notícia do Diário de Notícias, a Corporação dos Bombeiros das Taipas possui uma das seis ambulâncias medicalizadas do país que estão devidamente autorizadas a circular.

O Diário de Notícias publicou na edição de ontem que, de acordo com um levantamento realizado em Junho pelo Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), ao qual tiveram acesso, a esmagadora maioria das ambulâncias em Portugal não foram inspeccionadas em conformidade com o que é determinado pela lei, encontrando-se por isso em situação ilegal.

A notícia dá conta que “Em Portugal, 90 por cento das ambulâncias de transporte e socorro dos bombeiros estão ilegais. Das 4300, apenas 400 cumprem os requisitos exigidos na legislação. A Associação Portuguesa de Médicos de Emergência (APME) quer que estas ambulâncias sejam retiradas do serviço enquanto não cumprirem os requisitos legais”.

Refere ainda que “Nas ambulâncias medicalizadas o panorama é igualmente desolador: apenas seis veículos, em todo o País, cumprem os requisitos. Destas ambulâncias – com equipamento e tripulação que permite a aplicação de suporte avançado de vida e destinadas à estabilização e transporte de um doente – apenas as existentes em Pombal, Famalicão, Vale de Cambra e Caldas das Taipas podem circular sem problemas”.

Consulte aqui a notícia completa do DN.