Altino revela o que o levou a ficar no Taipas
Quarta-feira, Setembro 28, 2005

Depois de muitos anos na alta roda do futebol nacional, Altino ingressou no Taipas na época passada e desde logo ficou bem impressionado com o Clube termal.

Como começa a sua carreira de futebolista profissional?
Estava no Vilarinho na altura, quando o treinador das camadas jovens do Vizela me referenciou à Direcção do clube e, eles, acabaram por entrar em contacto comigo. Passados cerca de dois anos profissionalizei-me.

Como foi o seu primeiro ano como profissional?
Foi uma experiência muito boa, porque a coisa que mais gosto de fazer é de jogar futebol. Se não jogasse futebol ou não estivesse a treinar, até as pessoas que convivem comigo dizem que fico de mau humor.
No Moreirense, acompanhou toda a ascensão do clube. Uma experiência inesquecível?
No Moreirense vivi de tudo. Subi de divisão, desci de divisão, voltei a subir à 2ª Liga e no ano seguinte chegamos ao escalão mais alto do futebol português. Foi óptimo para mim. Nunca pensei que com a minha idade conseguisse chegar à primeira liga.
O que mais o marcou nesse clube?
Penso que tudo naquele clube me marcou. Desde a massa associativa à Direcção do Moreirense. Não tenho queixa de nada.
E o que menos lhe agradou?
A saída foi o que mais me custou, mas tinha que acontecer algum dia. Também o facto do Moreirense ter descido de divisão na época transacta me deixou um pouco triste.
De todo este tempo ao serviço do Moreirense, qual é a opinião que tem acerca do clube?
É um clube honesto, cumpridor das suas obrigações, que coloca os seus atletas completamente à vontade, dando todo o apoio que precisarem.
Qual é a previsão que faz do Moreirense para esta época 2005/2006?
Espero que, apesar deste início menos bom, consigam o seu objectivo que é a subida.
O facto de ter abandonado o Moreirense foi uma decisão sua ou da Direcção do clube?
Foi uma decisão levada a cabo pela Direcção. Se fosse por minha vontade ainda lá estava. Como já tinha quase 36 anos, jogar na superliga é completamente diferente do que jogar numa 2ª B ou 3ª Divisão. É muito desgastante em termos físicos. Desta forma prescindiram dos meus serviços.
Fez seguidamente uma rápida passagem pelo Lixa. Como descreve essa passagem?
Como não poderia continuar no Moreirense, pensei que o Lixa fosse um bom projecto, mas foi um fracasso.
Depois do Lixa, acabou por vir para o Taipas. Quem foi o responsável pela sua contratação?
Foi o Fernando Faria.
Na época transacta, o Taipas desceu à regional. O que falhou?
Falhou muita coisa. Tínhamos uma equipa bastante jovem e muito inexperiente, à excepção de alguns. Os mais jovens acabavam por sentir muita pressão nos jogos e o nervosismo apoderava-se deles.
O que o levou a continuar no clube?
Foi o presidente que me con-venceu a ficar. Como gosto muito deste clube aceitei. Quero ajudar o Taipas a conseguir alcançar os seus objectivos.
Esta temporada, as regras estão mais complexas relativamente à subida de divisão. O Taipas está preparado para enfrentar estas dificuldades?
Penso que o Taipas vai con-seguir o seu objectivo, porque temos equipa para isso mesmo. Apesar de não termos começado bem logo na primeira jornada, estamos confiantes e esperamos devolver o Taipas à 3ªDivisão.

Ficha do Atleta:

Nome: Manuel Altino Ribeiro Pinto
Idade: 38 anos
Data de Nascimento: 24-03-1967
Estado Civil: Casado
Posição em campo: central / líbero
Clubes por onde passou: Vilarinho, Vizela, Moreirense, Lixa e Taipas
Camadas Jovens:Vizela e Tirsense
Clube favorito: F. C. Porto
Jogador favorito: Deco
Treinador favorito: José Mourinho

Vera Freitas

PUB

Artigos Relacionados