PUB
Alargamento da Rede Novas Oportunidades traz mais quatro centros para Guimarães
Quarta-feira, Março 12, 2008

Na região do Ave serão mais treze centros Novas Oportunidades, as estruturas responsáveis pela validação e certificação de competências, dando equivalência ao 12.º ano.

Serão instalados no concelho de Guimarães mais quatro Centros de Novas Oportunidades. De acordo com um despacho da Agência Nacional para a Qualificação de 18 de Fevereiro lista um total de mais 163 centros, dos quais treze ficarão na região (NUTIII) do Ave – área em que podem exercer a sua actividade.

Um dos critérios para a distribuição dos centros foi “o imperativo do alargamento da rede de Centros Novas Oportunidades a territórios que apresentem um défice de cobertura face às necessidades de qualificação detectadas”.

Os Centros Novas Oportunidades são estruturas que procedem ao acolhimento, diagnóstico, triagem e encaminhamento de adultos para percursos de qualificação, bem como ao reconhecimento, validação e certificação de competências de nível básico e secundário.

A medida Novas Oportunidades terá sido das mais emblemáticas lançadas pelo actual governo de José Sócrates, inserido no Plano Tecnológico e no Sistema de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências. No ano passado 273 mil adultos inscreveram-se neste centros para obterem uma certificação equivalente ao 12.º de escolaridade.

Em Guimarães, os novos Centros Novas Oportunidades são: a Associação para o Desenvolvimento das Comunidades Locais; a EB 2,3 Gil Vicente; a Escola Secundária Martins Sarmento; e a Sol do Ave.

Texto: Paulo Dumas

Artigos Relacionados