PUB
AVE “adopta” troço de 500 metro do Rio Ave, em Campelos
Segunda-feira, Maio 9, 2016

O Projecto Rios foi apresentado no passado mês de Março, no Dia Mundial da Água. O objectivo desta acção de promoção e sensibilização ambiental começa no mês de Maio, com um reconhecimento de espécies existente no corredor ripícola do Ave.

A AVE – Associação Vimaranense para a Ecologia “adoptou” um troço de 500 metros do Rio Ave, que atravessa áreas dentro dos limites administrativos das freguesias de Ponte e de Brito. A intenção é monitorizar o habitat do canal ripícola do rio.

Durante o mês de Maio a AVE irá promover uma série de actividades voltadas para aquela zona ribeirinha do Ave. A primeira deste conjunto de actividades está marcada para o próximo dia 29 de Maio, com uma acção de reconhecimento de aspectos da fauna e da flora, assim como da sinalização de eventuais focos poluidores.

A adesão ao Projeto Rios foi anunciado no início de 2015 pela Associação Portuguesa de Educação Ambiental, iniciativa à qual a ONGA de Guimarães aderiu. Esta será a primeira acção no âmbito deste projecto, que tem como objectivo o envolvimento e a sensibilzação da população na conservação do rio e do seu habitat.

A iniciativa da AVE insere-se nos objectivos da Década da Educação das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável, dentro dos esforços de implementação da Directiva Quadro da Água.

OUTRAS INICIATIVAS DA AVE AGENDADAS PARA MAIO
Além da iniciativa integrada no Projeto Rios, a AVE anunciou o conjunto de iniciativas que pretende levar a cabo durante o mês de Maio.

No próximo dia 14, decorre uma oficina sobre compostagem, no Museu Alberto Sampaio. A participação nesta iniciativa é livre.

No dia 22 de Maio está programado mais uma caminhada por terras de Maria da Fonte. Depois de no mês passado se terem percorrido trilhos da Serra da Cabreiras, desta feita o trajecto passará por Fontarcada, Calvos ou o Monte da Senhora do Pilar.

A 27 acontece mais uma Massa Crítica, uma iniciativa continuada que procura promover e encorajar a utilização da bicicleta em ambiente urbano.